A descida do leite

Ainda na gestação, a prolactina começa a se elevar, iniciando a síntese do colostro (uma forma de leite de baixo volume e riquíssimo em gordura, proteínas e anticorpos). Em torno de 3 a 5 dias após o nascimento do bebê, ocorre a apojadura, que é a descida do leite em maior volume e outra composição. Esse processo ocorre devido à queda abrupta da progesterona no parto e a saída da placenta! Portanto, entrar em trabalho de parto é muito benéfico para o coquetel hormonal que regula a amamentação! ⁣⁣No entanto, alguns fatores podem estar associados ao atraso desse processo, por exemplo: primiparidade (ser o primeiro filho), cesarianas eletivas (além do fator hormonal do TP, o bebê pode nascer mais imaturo e com menos sinais de prontidão para mamar), estresses vivenciados numa cesariana de emergência, uso de fluidos intravenosos no trabalho de parto (gerando excesso de edema nas mamas), analgesia, obesidade, diabetes tipo 1, síndrome do ovário policístico, retenção placentária, hemorragia pós parto, cirurgia mamária de redução, etc.⁣⁣

Por isso, qualquer fator que altere o equilíbrio hormonal, os fluidos corporais, o tecido glandular e a resistência à insulina podem ser um risco para o início da amamentação e devem ser olhados com cuidado pela equipe, pelos acompanhantes e pela própria mulher, para que providências precoces (como protocolos de estimulação) possam ser tomadas enquanto o leite não desce! Sinais de desidratação do bebê devem ser sempre observados, como a presença de cristais na urina após 72h de vida e ausência de cocô pelo menos 1x ao dia durante as primeiras semanas de vida. ⁣⁣

É muito importante que o bebê possa ter contato com o seio da mãe na primeira hora do nascimento (não necessariamente mamar, mas ter a oportunidade). A livre demanda também é fundamental para o sucesso da amamentação, sendo que até o bebê recuperar o peso do nascimento e a amamentação engrenar é interessante que a mãe não deixe passar de 4 horas sem oferecer o peito, mesmo que o bebê não peça. ⁣

Compartilhar

Comments (2)

  • Amandinha Silva Reply

    Ótima postagem. Estou visitando constantemente este
    site e estou apaixonada! Dicas e posts muito legais.
    Obrigada, já virei sua leitora 😉

    outubro 7, 2020 at 7:11 pm
    • Erica de Paula Reply

      Todos eses conteúdos – na verdade muito mais, pois demoro a atualizar aqui – estão no meu instagram @ericadpaula

      outubro 11, 2020 at 6:55 pm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *