Quarto do bebê: minha escolha montessoriana

Há muitos anos que eu compartilho com vocês os benefícios do quarto montessoriano, que é uma proposta de quarto totalmente voltada para as necessidades e o bem estar da criança!! A maioria dos quartos tradicionais são feitos para o deleite e praticidade dos adultos, com móveis altos (incluindo o berço), tons neutros, etc! Já o quarto montessoriano é pensado para desenvolver sobretudo a autonomia e liberdade da criança para explorar o ambiente com segurança! Por isso todos os móveis ficam bem baixinhos, à altura do bebê/criança, e cada item deve ser pensado nesse sentido da segurança.

O quarto montessoriano não tem berço e a caminha fica no chão (eu escolhi um modelo da @inphantil, que é todo acolchoado). Todos os brinquedinhos, prateleiras, etc também são baixinhos, para que a criança possa se sentir livre para explorar o quartinho e brincar da maneira como achar melhor! O método acaba estimulando muito o aprendizado!! ⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
No meu caso, optei por deixar o bebê no meu quarto (dormindo em um bercinho portátil ao lado da minha cama) nos primeiros meses de vida e depois ele vai para o quartinho e direto para a caminha no chão! Tenho muitos relatos de pacientes dizendo que o bebê (quando já começa a engatinhar/andar), acorda durante o dia e simplesmente vai brincar, sem precisar chorar p/ pedir que os pais o tirem do bercinho, por ex! Acho essa autonomia o máximo! 😍⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Também acho lindos os quartos tradicionais e não tenho absolutamente nada contra eles! Mas sempre me identifiquei com a proposta montessoriana e a Gabi do @studio.vilasboas (http://www.gabrielevilasboas.com.br) soube colocar lindamente “no papel” tudo que eu tinha em mente (ela faz todos os tipos de quarto)! É dela esse projeto maravilhoso do quartinho do Pedro!!

Escolhemos o tema Safari inspirados em um Safari que fizemos no ano passado na África do Sul e porque eu simplesmente sou louca com a natureza e animais, então espero inspirar o Pedrinho para que ele seja também!!!

A caminha com colchão, protetor de colchão e tapete lúdico acolchoado encomendei na @inphantil!

Ps: o trocador ficará em um nicho dentro do armário. E por enquanto eu estou pensando em não ter poltrona de amamentação. Caso eu tenha, será no meu quarto mesmo.

Texto de Érica de Paula – doula, psicóloga, educadora perinatal e acupunturista. Co-Autora do documentário “O Renascimento do Parto – 1”.

Todos os direitos reservados. Não copiar sem citar a fonte.

Para saber mais sobre esse e outros assuntos, sigam o perfil @ericadpaula no Instagram e @ericadpauladoula no Facebook!

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *